Como trabalhar com o funil de vendas?

Como trabalhar com o funil de vendas?
5 (100%) 6 votes

Se você está se perguntando o que é um funil de vendas, imagine um funil real. No topo desse funil, alguma substância é despejada, que filtra para um destino finito. Nas vendas, algo semelhante ocorre.

Como criar um funil de vendasNo topo, chegam muitos visitantes que podem estar interessados no seu produto. No entanto, ao contrário do funil do mundo real, nem todos os que entram no funil de vendas sairão do outro lado como clientes. Saiba como criar um funil de vendas  de forma eficiente:

O que é um funil de vendas?

No topo do funil você tem “clientes potenciais não qualificados”, que são as muitas pessoas que você acha que podem precisar de seu produto ou serviço, mas para quem você nunca falou.

Na parte inferior do funil, muitas etapas de vendas e entrega mais tarde, você tem pessoas que receberam a entrega do seu produto ou serviço e pagaram por ele.

A metáfora do funil é usada porque as pessoas desistem em cada etapa de um longo processo de vendas: por exemplo, muitos dos seus clientes potenciais não qualificados podem ter fornecedores com os quais estão muito satisfeitos.

Outros podem ter necessidades que outros concorrentes estão em melhor posição para satisfazer. Outros ainda podem adorar seus produtos, mas não têm orçamento para comprá-los.

Porque utilizar o funil de vendas?

Usando o funil de vendas e quantificando o número de clientes potenciais em cada etapa do processo, você pode prever o número de clientes em potencial que, com o tempo, se tornarão efetivamente seus clientes.

Mais do que isso, observando a maneira como esses números mudam com o tempo, você pode identificar problemas de vendas e tomar as ações corretivas no início.

Como criar um funil de vendas?

A primeira etapa para criar um funil de vendas é entender completamente o seu processo de vendas.

O funil de vendas é uma estratégia que você cria especificamente para sua empresa e seu modelo de negócio.

Como criar um funil de vendas

O objetivo principal é descobrir como você vai nutrir seus clientes em potencial em cada etapa do funil de vendas, e pode ser dividido da seguinte maneira:

  • Conscientização: Use os anúncios do Facebook para redirecionamento, publique ótimos conteúdos, otimize o conteúdo para SEO, fique ativo nas redes sociais
  • Interesse: Convide o usuário a se inscrever em sua lista de e-mail, sugerir recursos úteis, criar e distribuir um lead magnet
  • Decisão: Envie um código de cupom, desconto ou outra oferta de incentivo para convencer seu cliente potencial a converter
  • Ação: faça um novo e venda cruzada para seu cliente sugerindo produtos relacionados ou pacotes de produtos

Todo processo de funil de vendas é construído em torno do público-alvo. Depois de saber o que seu mercado quer, você pode entregá-lo.

Como melhorar e gerenciar seu funil de vendas

Veja algumas das melhores práticas para gerenciar seu funil de vendas com mais eficiência:

  • Mantenha o foco no cliente

A visão do processo deve ser sempre a do cliente. É fundamental saber qual é o seu problema, qual formato de informação é mais agradável para ele e até mesmo por qual meio abordá-lo (site, telefone, e-mail ou redes sociais).

Como um filtro, o funil deve separar, dentre os interessados, aqueles que tenham maior compatibilidade com seu comprador ideal. Com a escolha das informações e os formatos certos, elas captarão leads mais qualificados.

  • Qualificação e segmentação

Com as respostas necessárias sobre os leads, é possível avançar no funil e partir para segmentação e qualificação eficazes.

A qualificação e a segmentação são determinantes para a definição de onde a força de vendas será concentrada nas próximas etapas.

Assim, leads com maior potencial de negócios para determinado produto podem ter abordagens mais específicas porque, mesmo que demandem mais custos, a conversão da venda trará lucros maiores para a empresa.

  • Alimente todos os tipos de leads

Nesse processo de prospecção contínua do funil de vendas, diversos leads são gerados sem que estejam totalmente alinhados com os serviços da empresa  e certos sobre a compra do produto ou serviço ofertado.

Isso não impede, porém, que eles futuramente atinjam a maturidade para tomar suas decisões de compra.

Por isso, a nutrição com conteúdos e interações deve ser intensa e bem planejada, com ações diferentes para cada tipo de lead.

  • Ofereça qualidade e a variedade nos conteúdos oferecidos

Compartilhar conteúdo é uma das melhores maneiras de mostrar aos potenciais clientes qual a filosofia e a maneira de atuar da empresa.

Quando bem elaborados e em diversos formatos inovadores, como chatbots nas redes sociais e vídeos no YouTube, atingem uma porcentagem maior do público.

Sob a ótica da nutrição do conhecimento, quanto melhores forem, mais educados estarão os leads ao chegarem nas etapas seguintes do funil de vendas.

Uma boa prática para ter bons efeitos na produção de conteúdo relevante é terceirizar a estratégia com agências especializadas em marketing digital.

Agora que você sabe como criar um funil de vendas, não perca tempo e utilize-o no seu negócio!

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.